Provavelmente isso passa pela cabeça de muitos que pretendem passar pela redução de estômago, mas talvez por medo de parecer estar com cabeça de gordo, nem todos tenham coragem de perguntar. "O Refrigerante após a gastroplastia é viável?" Pra maioria que já operou, a resposta deveria ser simples: NÃO - Mas a verdade é que a grande maioria, se não praticamente todos os obesos tem uma relação muito "direta" com o refrigerante, isto é, mesmo sabendo de todos os males derivado do consumo do mesmo, mesmo sabendo que não tem quantidades nutritivas significativas de nada, ainda assim, são viciados em um copo gelado desse veneno gasoso, e é muito difícil resistir ao anceio de colocar um gole na boca e beber como antes... Não é verdade?

Aconselho a todos a não ingerir refrigerante após a cirurgia, ainda mais sem liberação médica, por pelo menos 3 meses após operado, refrigerantes irritam o estomago, causando enjôo, ansia e em alguns casos, até se agravar em uma gastrite, além do mais, alimentos fortes podem causar vômito, e vômito em excesso pode romper pontos internos. Se ainda assim, ainda quer beber refrigerante, segue algumas dicas:
  • Prefira ás "águas de sabores" como H2OH por exemplo, contém menos gás e não possuí açucares, mas não perca a moderação, possuem sódio, e além de todos os malefícios do mesmo, ainda grifo o que mais atrapalha nas dietas alheias, a retenção de líquido
  • Tire o máximo do gás antes de beber, o gás incha o estômago, fazendo força para que ele distenda, "alargando-o"
  • Misture com água ou coloque gelo, isso diminuirá o teor de sódio da bebida
  • Deixe-o ao ar livre, isso fará com que ele perca o gás naturalmente (ainda assim, tire o que puder do gás depois)
  • EVITE BEBIDAS NÃO DIETÉTICAS - Mesmo que as Dietéticas provoquem mais a parede estomacal, ainda sim, são menos piores do que ingerir açucares desnecessários ao organismo, refrigerante pode causar dumpping e não é nada legal
Lembre-se, antes de se aventurar na dieta, consulte sua nutricionista ou seu médico e peça autorização, só ele é capaz de definir o que é seguro ou não para você, afinal, cada caso é um caso, e não se pode generalizar dietas, se a vontade for maior que o bom senso, pegue todas as dicas acima, mas não esqueça de saber se pode ou não beber, afinal, como disse no começo do texto, a maioria das equipes costumam liberar determinados alimentos depois de algum período de tempo baseado na dieta, suplementação e acompanhamento do paciênte e no tipo da cirurgia feito pelo mesmo...

Só sua equipe médica é capaz de dizer o que é certo ou errado para sua dieta.


A Liga, exibido pela Band, é um programa jornalístico e crítico que visa demostrar e debater sobre assuntos polêmicos do cotidiano brasileiro. Esse programa sobre obesidade foi exibido no dia 05 de Abril, e nele, Rafinha Bastos, Sophia Reis, Debora Vilalba e Tháide vão as ruas para mostrar o quão dificil é ser obeso no Brasil.

Além de mostrar as dificuldades que passam aqueles com uns "quilinhos a mais", o programa fala sobre a Gastroplastia e a Redução de estômago, sobre métodos alternativos de emagrecimento, e sobre a convivência com a obesidade, além de explorar outros assuntos polêmicos como a falha de adaptação dos serviços convencionais ao obeso, a obesidade infantil, entre tantas outras dificuldades. Vale a pena assistir.





Parte II de VI - http://www.youtube.com/watch?v=AndBmSwfN2E&feature=related
Parte III de VI -
http://www.youtube.com/watch?v=MBR7_t0MMgY&feature=related
Parte IV de VI - http://www.youtube.com/watch?v=3eBZtyA8buM&feature=related
Parte V de VI -
http://www.youtube.com/watch?v=bUxUOcGauGo&feature=related
Parte VI (Final) -
http://www.youtube.com/watch?v=wmF_RM8e6lk&feature=related

Provavelmente MUITOS aqui se identificarão com o vídeo, ficarão indignados ou revoltado naturalmente, e se identificarão com algumas cenas que já passamos tantas vezes antes.

Entrevista postada no grupo Redução de Estômago criado pelo, também gastroplastizado, André Schleich. A matéria foi veiculada no Jornal do Almoço do canal RSB TV (Canal do RS). Bem detalhada, muito bem explicada, com participação de médicos importantes, e entrevista com a Drª. Jacqueline Rizzolli também participante do grupo.

Quem não conhece o grupo e tem interesse em participar, precisa apenas ter um facebook e pedir para ingressar no link: http://www.facebook.com/groups/249468955077030/?id=264943450196247

Ingredientes
2 xícara de chá de mandioca cozida e amassada
1 xícara de chá de farinha de trigo
2 Ovos
1 colher de sopa de margarina Light
1 fatia média de queijo minas "desfiado"
Recheio a gosto - Sugestão - Carne moída bem cozida.
Como fazer
  1. Misture o ovo, a margarina, o queijo minas e a mandioca em uma vasilha, e vá adicionando a farinha aos poucos até a massa adquirir uma textura homogênea e firme.
  2. Pegue o recheio desejado e o cubra com a massa, fazendo formatos de bolinhos, sugestão de formatos redondos, lembre-se de fechar bem a massa.
  3. Coloque em uma assadeira antiaderente ou unte com um pouquinho de margarina e farinha.
  4. Leve em forno quente por aproximadamente uns 25 minutos.

Veja mais antes e depois: Antes e depois Gastroplastia e Redução de Estômago #1
Passeando pelas redes sociais, encontrei impressionantes Antes e Depois de ex-obesos, ou quase lá, que fizeram a gastroplastia, pensando nisso, resolvi fazer posts semanais com os mais impressionantes antes e depois encontrados pela "rede". Todas as fotos e descrições de perdas, valores, e tempo, são baseado em pesquisas na internet em sites e comunidades do gênero. caso deseje ter uma foto sua aqui no blog, basta enviar um e-mail para rennan@nighton.com.br com sua foto e as informações sobre a mesma, caso não esteja pronta a montagem, pode enviar as fotos separadas de antes e depois que faço a montagem e posto aqui no blog o quanto antes (caso deseja remover uma foto sua que tenha sido exibida aqui, também pode mandar o e-mail que retiraremos assim que ler sua mensagem).

OS MAIS IMPRESSIONANTES ANTES E DEPOIS DA SEMANA #2
Carol Nunes - Orkut - Peso Antes: ??? Peso Depois: ??? Tempo de Operada: ???



Carol Silva - Orkut - Peso Antes: 112 KG Peso Depois: 69 KG Tempo de Operada:  8

Uma dica: NÃO EXISTE NADA MAIS MOTIVADOR PRA QUEM TEM UM BLOG DO QUE RECEBER UM COMENTÁRIO

E é pensando nisso que eu decidi que devemos ser mais "abertos", vamos, sugiro iniciarmos uma corrente em pró dos comentários: Você está intimado a postar nos 5 blogs listados aqui nesse post, em contra-partida, deixe em seu comentário a intimação para que este blog selecione mais 5 blogs para que seus visitantes comentem.

Não é complicado, todos os blogs que forem listados, devem listar mais 5 blogs e justificar o por que motivos vale a pena comentar naquele blog, seja por um artigo específico ou seja pela boa qualidade em todo do blog... eu orgulhosamente indico os seguintes blogs a participarem da corrente:

1. http://conversaseafins.blogspot.com/ - Indicado pelo carinho que tenho pela autora, a Carol Garcia, blog bem escrito e com um teor bem pessoal, sobre todo o caminho percorrido pela Carol, antes e após a cirurgia.
2. http://www.transformeacao.blogspot.com/ - Blog da Char, fala de tudo um pouco sobre as experiências na cirurgia, desde cabelo a sexo, até o passo a passo da Charlene, sua autora durante a cirurgia e os pontos conquistados nessa jornada.
3. http://www.gastrogroup.blogspot.com/ - Criado entre amigos, é um espaço para compartilharmos nossas dificuldades e construir nossas amizades dividindo nossas experiencias.
4. http://www.rumoagastroplastia.blogspot.com/ - Inteligente, divertido e muito abrangente, o blog pertence a Adila Varjão e tem desde receitinhas até umas boas dicas sobre a cirurgia pra quem já operou e quem ainda vai operar.
5. http://www.asdesventurasdedanni.blogspot.com/ - "εïз A historia de uma menina muito Sonhadora!!! Que queria ser uma Borboleta!!! εïз"


AGORA É COM VOCÊS... COMENTEM NOS BLOGS SELECIONADOS ACIMA E AJUDEM O BOM TRABALHO SER RECONHECIDO... OS BLOGS INDICADOS ESTÃO MAIS QUE INTIMADOS A INDICAREM OUTROS 5 BLOGS... 


E agradeço a todos que comentam no Guru da Gastroplastia, lembrar sempre que se não fosse por vocês, já teria desistido desse blog a um bom tempo... grande abraço e tchau tchau!

Uma pesquisa feita em Liverpool mostrou em estudos o que a maioria dos homens que namoram gordinhas ou ex-gordinhas já sabem, as nossas mulheres são mais atrativas que mulheres que sempre foram magras. Eu pessoalmente, vejo o motivo disso bem simples: EX-GORDINHAS VALORIZAM MAIS PEQUENOS ATOS, SÃO MAIS DIVERTIDAS E ATENCIOSAS EM VÁRIOS ASPECTOS DE UMA RELAÇÃO.

Assim como a maioria dos obesos, toda gordinha teve suas crises e neuras e por compreender isso, talvez ela seja uma mulher menos acostumada a ser sempre o centro das atenções, que dá o devido valor ao carinho e o respeito que recebe, sabe que a perfeição não está na beleza física e que pra manter um corpo físico bonito, é preciso esforço, são mulheres guerreiras, primeiro por vencerem a obesidade, e segundo por terem coragem de seguir em frente e terem mudado seu corpo, sua mente e sua vida....

Segue a seguinte matéria, postada no site da GNT: http://gnt.globo.com/comportamento/noticias/Ex-gordinhas-atraem-mais-os-homens-do-que-mulheres-que-sempre-foram-magras.shtml


Mulheres que já foram gordas fazem mais sucesso com os homens do que aquelas que sempre foram esbeltas. As ex-gordinhas parecem ser mais amigas, criativas e emocionalmente equilibradas. É o que indica um estudo da Universidade de Liverpool, na Inglaterra. No entanto, a pesquisa aponta que o sexo feminino enxerga as ex-gordinhas de uma forma negativa, como mulheres indisciplinadas, instáveis e até pouco higiênicas.

Os pesquisadores mostraram a 106 homens e 96 mulheres fotos de moças jovens e atraentes, acompanhadas de uma curta biografia. Para alguns, a moça da foto tinha mantido o mesmo peso por toda a vida, enquanto outros eram informados de que a mesma mulher pesava 100kg e vestia tamanho 52.

Ao final, os participantes tiveram que julgar as moças das fotos. As mulheres que "enxergaram" ex-gordinhas, atribuíram a elas adjetivos negativos, como pessoas instáveis, desleixadas, preguiçosas e pouco atraentes. Já para o sexo masculino, a suposta perda de peso era um aspecto positivo. “A maioria dos homens preferiu que as mulheres tivessem o histórico de ex-gordinhas. Eles disseram que elas são mais acessíveis. Não são perfeitas, têm problemas como todos”, explica o líder da pesquisa, Jason Halford.

Não todos, mas a maior parte dos obesos, gordinhos e afins costumavam travar uma batalha no sexo (imagem ao lado, temos Ares, o deus grego da guerra e Afrodite a deusa do Amor, numa metáfora visual sobre as dificuldades que passamos no amor).

Porém após a cirurgia, muitos já tem bons resultados logo nos primeiros meses, conforme vai perdendo peso, a autoconfiança e o prazer tomam novas formas, literalmente, e vem todas aquela séries de desejos, dúvidas e alusões ao que é o amor após a cirurgia. Perguntas como: "Já posso fazer?", "Como Fazer?" e outras semelhantes tornam a vim a mente de muitos operados logo nas primeiras semanas, quando os primeiros estigmas de mudança começam a surgir, os elogios, agora mais constantes, os olhares e tudo mais... E ai? O que fazer?

O segredo é vencer a vergonha e perguntar ao seu médico, a liberação depende muito mais dele do que sua vontade, e isso é importantíssimo. Algumas equipes sugerem de 1, a 3 meses de abstinência sexual, outras liberam antes com certos cuidados, tudo depende do tipo de cirurgia em contrapartida a intensidade do desejo carnal da pessoa.

Cirurgias abertas tendem a possuir um risco maior em relação ao sexo de ínicio devido a cicatrização do tecido abdominal ser mais lenta, logo, essas costumam pedir um pouco mais de cuidados, evitar posições que forcem demais o abdomem é essêncial, pois o risco de hérnia nos 6 primeiros meses são grandes. Para aqueles que fizeram por vídeo, ainda vale os mesmos cuidados, porém como a incidência de hernia incisional nesses casos é bastante menor, existe uma abrangência médica mais tranquila quanto a liberação para o sexo.

Outra pergunta que vem muito a cabeça do operado, é sobre a líbido, e as respostas se divergem bastante nesse assunto. Alguns dizem que aumenta, outros que diminuem, alguns dizem que não muda nada. Divergências a parte, existem uma série de motivos que justificariam essas mudanças:
  1. Hormonais: Seu corpo sofreu uma série de mudanças hormonais, mesmo que aparentemente o estomago nada tenha relação a sua líbido, vale lembrar que lá são produzidos hormonios que atuam no sistema de recompensa, mesmo sistema responsável pelo prazer e desejo sexual...
  2. Físicas: Quanto mais seu corpo muda, mais sua mente muda em relação ao mesmo, conforme o corpo deixa de ser um impencilho e passa a ser um atrativo, o desconforto sexual vai desaparecendo aos poucos e sendo substituido pela vontade de experimentar.
  3. Psicológica: Algumas pessoas demostram certo medo ou preocupação exagerada em fazer sexo após a cirurgia, o que poderia justificar a falta ou excesso de desejo, além disso, assim como no primeiro motivo, as sinteses hormonais alteradas atuam MUITO no lado emocional, sendo outra justificativa para as mudanças psicológicas após a gastroplastia.
A verdade é que o sexo é extremamente prazeroso, faz bem a saúde física e mental e é muito importante na vida de qualquer casal, caso tenha outras duvidas em relação ao sexo, deixe a vergonha de lado e procure sua equipe cirurgica, tire todas suas duvidas, caso sinta que está com problemas, procure um psicólogo ou psiquiatra, o que não vale é deixar de aproveitar o melhor do amor.

"Quanto mais se vive, mais se aprende e se descobre, aprender é evoluir, e evoluir é crescer..."


Este post tem um propósito bem especial, em relação a todos os outros, pois é a primeira vez que me exponho aqui sobre um sentimento pessoal em relação ao blog e a vocês que o visitam. Talvez eu devesse ter feito isso antes, mas foi apenas esta semana, após ler um comentário de um dos gastroplastizados que mais me deram força pra fazer a cirurgia mesmo sem saber disso que me dei conta da importância desse post.

Bem provável que a maioria não leia até o final, mas ainda assim, venho aqui me desculpar a todos se algum momento o nome Guru tenha dado uma ideia de que eu tenha todas as informações ou todo o conhecimento necessário e existente sobre a gastroplastia, assim como todos vocês, estou passando por esta ponte, construíndo os alicerces da superação, e a nenhum momento esperei parecer vaidoso ou prepotente, arrogante ou qualquer sinônimo semelhante...

Desejo deixar claro que não sou um médico, não sou formado, nem um especialista em gastroplastia, todas as informações que trago aqui a este blog é derivado de minhas experiências durante, antes e após a gastroplastia. Devo agradecer a várias pessoas que me prepararam pra esse caminho, a todos os médicos que me guiaram, a todos os amigos e irmãos que estiveram ao meu lado nesse caminho.

Sou um aprendiz da vida, um neófito da existência, como todos somos. Vivemos em uma época em que é muito complicado tentar se explicar, em que justiça, honra e humildade são deixadas de lado, em que as virtudes básicas do bom homem são apagadas por grosserias, vaidade soberba, e que é muito difícil se equilibrar entre esta tênue linha. Dizem que é impossível agradar a todos, a ser sempre justo, que ninguém é perfeito. Concordo em certos pontos, mas é o meu dever pedir perdão se alguma hora falhei, a me redimir com vocês.

Não quero, nem espero que me tenham como algo absoluto, sempre certo, não sou. Sócrates, com sua visão maiêutica do conhecimento, dizia que ninguém nada sabe, e que aqueles que dizem que sabem tudo, são os que menos conhecem... Certezas são perigosas, e a vaidade, um pecado...

Para aqueles que não conhecem, o blog Um Sabado Qualquer é um blog de Humor criado pelo cartunista Carlos Ruas, tendo suas piadas baseadas nas escritas religiosas, ao contrário da maioria dos blogs de tendências ateu, mantém a linha do respeito entre a ironia e a religião, fazendo referência a vários trechos da bíblia e outras religiões.


Já se foram 55 KG pelo caminho ...

Para descontraír um pouco:

Já sei porque estou engordando....
É o xampu!!!
Só hoje me dei conta que a embalagem diz:... para dar corpo e volume!!!
Por isso, a partir de agora, passo a me lavar com detergente, que diz:.... dissolve a gordura, até a mais difí­cil!!!

Passeando pelas redes sociais, encontrei impressionantes Antes e Depois de ex-obesos, ou quase lá, que fizeram a gastroplastia, pensando nisso, resolvi fazer posts semanais com os mais impressionantes antes e depois encontrados pela "rede". Todas as fotos e descrições de perdas, valores, e tempo, são baseado em pesquisas na internet em sites e comunidades do gênero. caso deseje ter uma foto sua aqui no blog, basta enviar um e-mail para rennan@nighton.com.br com sua foto e as informações sobre a mesma, caso não esteja pronta a montagem, pode enviar as fotos separadas de antes e depois que faço a montagem e posto aqui no blog o quanto antes (caso deseja remover uma foto sua que tenha sido exibida aqui, também pode mandar o e-mail que retiraremos assim que ler sua mensagem).

OS MAIS IMPRESSIONANTES ANTES E DEPOIS DA SEMANA #1
Lorena Bitencourt - Orkut - Peso Antes: 124 KG Peso Depois: 64 KG Tempo de Operada: 14 meses

 Miss Resende - Orkut - Peso Antes: 113 KG Peso Depois: 53 KG Tempo de Operada: 16 Meses


Alexandre Witeck - Orkut - Peso Antes: 151KG Peso Peso Depois: 94KG Tempo de Operado: 11 Meses



Will Oliveira - Orkut - Peso Antes: ??? Peso Depois: ??? Tempo de Operado: ???


Envie Suas Fotos - Comentem...

Para inicio de conversa: GASTROPLASTIA E ALCOOL NÃO COMBINAM! ... Resolvida essa questão, continuemos então!

Após a cirurgía bariátrica o consumo de álcool é extremamente prejudicial, seja uma cervejinha ou uma caipirinha bem forte, até mesmo um bom vinho pode vim acompanhada de graves prejuízos ao organismo.

Existem pelo menos três motivos pelo qual o alcool é um problema grave após a cirurgia:

1- O efeito do alcool é sentido mais rápido e por mais tempo após a cirurgia pela maioria dos gastroplastizados, por ser absorvido mais rapidamente.

2- O álcool possuí um alto valor calórico e pode causar DUMPING, além de, claro, como tudo que possuí muitas calorias, ser capaz de prejudicar o emagrecimento

e 3- O pior dos problemas: Como o corpo tem suas capacidades de digestão reduzida, esse alcool é digerido parcialmente, fazendo seu percurso normalmente, aumentando a incidência e risco de doenças relacionada ao consumo de bebidas alcoólicas, atacando o figado e o intestino, e podendo agravar-se em casos de cirrose hepática.

Cada um é responsável pelo próprio corpo e pelos riscos que expõem os mesmos, mas para dizerem que eu não sou malvado por ter te convencido a não beber... caso você ainda sinta vontade, opte por bebidas mais leves, com baixo teor de álcool; No caso de vinho, misture com suco de uva, bebidas mais fortes, coloque bastante gelo, ou até mesmo, água. Reduza ao máximo possível o teor alcoólico ingerido, mas o melhor ainda é se possível, escolher entre opções sem alcool, como sucos ou água.

A 4 meses atrás estava fazendo um post semelhante, o Guru Da Gastroplastia havia chegado a 100 visitantes, e tratei de agradecer a todos vocês que entraram e participaram, mas e agora? Com 10.000 visitas? O que eu posso dizer? MUITO OBRIGADO a todos os amigos, irmãos e irmãs de gastroplastia, que passam por aqui todos os dias, fazendo este blog valer a pena!

É pra vocês que este blog foi criado, para ser um centro de informações, dicas, para ser um espaço em que pudessem recorrer e se identificar com os nossos posts! Obrigado a todos vocês... E agora? Rumo aos 100.... mil?


Que a cada dia este blog possa crescer mais, e mais, ajudando pessoas que como eu, como a Bruna e como a maioria de vocês que passam por aqui todos os dias, estão passando por mais essa etapa da vida! A cirurgia é mais que uma mera passagem, é um renascimento, é por isso que tem como símbolismo um dos mais belos e complexos animais que eu conheço, a borboleta, que assim como todos que fizeram a gastroplastia, passa de uma rústica e desvalorizada lagarta até uma encantadora e maravilhosa borboleta...

A cirurgia é nosso casulo. Nosso momento de revira volta, nossa passagem! Agradeço a todos vocês por estarem fazendo parte desta mudança comigo e por permitir que eu faça parta da mudança de vocês!

Diretório de Blogs

Divulgue gratuitamente seu site ou blog sobre Gastroplastia, emagrecimento, dietas e afins
Adicione na barra lateral como HTML o seguinte código - Depois Preencha Nosso Formulário





A
B
C
Endereço: www.conversaseafins.blogspot.com
Descrição: Blog pessoal criado pela Carol, gastroplastizada, divide experiências sobre gastroplastia, dicas e sua vida com seus visitantes e amigos, criado para ser um espaço em que pudesse desabafar, o blog tem todo um appeal, garantido uma maravilhosa visita.
Tema: Gastroplastia

Nome do Site: Cirurgia Bariátrica - Pré e Pós Operatório
Endereço: www.asdesventurasdedanni.blogspot.com
Descrição: εïз A historia de uma lagarta, que irá se transformar em uma linda Borboleta...
Dia 07-08-11 começa a minha transfomação.εïз
Tema: Gastroplastia

D
 Nome do Site: Danielle, a águia!
Descrição: Blog destinado as pessoas que fizeram ou pensam em realizar a gastroplastia, principalmente as que tem medo, explico com bastante detalhe cada etapa desse rumo, peço a todos que deixe um recado para podermos interagir nesse mundo a fora.
Tema: Gastroplastia
E

F
Nome do Site: Ferna Gastroplac
Endereço: www.fernagastroplastia.blogspot.com
Descrição:  blog para documentar meu passo a passo rumo a Gastroplastia! Manter um registro de toda a saga que inclui as consultas, os exames, a cirurgia em si, dietas, eventuais brigas com planos, etc...
Tema: Gastroplastia
.
G
Nome do Site: GastroGroup
Endereço: www.gastrogroup.blogspot.com
Descrição: Blog criado por um grupo de amigas e amigos que se conheceram num chat sobre gastroplastia!
Tema: Gastroplastia
.
Nome do Site: Gastroplastia Um Sonho 
Endereço: www.liza-gastroplastiaumsonhorealizado.blogspot.com
Descrição: Acompanhe as etapas da vida da Enfermeira Liza e sua Gastroplastia, seu progresso e suas vitórias rumo as conquistas de seus sonhos na luta para vencer mais esta etapa de sua vida.
Tema: Gastroplastia


H
I
J
K
L
M
N
O
P
Nome do Site: Peso Sob Medida!
Endereço: www.pesosobmedida.blogspot.com
Descrição: Blog sobre a minha perda de peso apos bariatrica feita em dez de 2008. Falo aqui do antes e do depois. Peso anterior: 103kg. Peso atual: 62kg.
Tema: Gastroplastia
Q
R
Nome do Site: Rumo a Gastroplastia
Descrição: Justo quando a lagarta achava que o mundo tinha acabado, ela virou uma borboleta. Blog da borboleta Adila Varjão, criado para acompanhar sua trajetória antes e após a sua gastroplastia.
Tema: Gastroplastia
S
T
Nome do Site: TransformAção
Descrição: Charlene Rodrigues, 29 anos, de casulo a borboleta, nada é pesado demais para quem tem asas. Blog pessoal criado para discutir e compartilhar experiências após a cirurgia bariátrica.
Tema: Gastroplastia
U
V
X
Y
W
Z


-->

O platô é o inimigo numero 1 de qualquer gastroplastizado, imagine só, você travando uma batalha contra a balança e seu corpo travando uma batalha contra a perda de peso, resultado: NÃO É NADA BOM. Para aqueles que nunca ouviram falar no termo "platô", trata-se da estabilização do peso após um determinado período em uma Dieta, ou em uma perda de peso acelerada, isso acontece por dois motivos: 1 - O organismo tende a se organizar e se adaptar as necessidades calóricas daquilo que vem sendo consumido e 2 - Quanto mais pesado for seu corpo, maior é a quantidade de energia precisa pra sustentar-lo, conforme você emagrece, seu corpo começa a necessitar de menos energia para se manter, nivelando-se com a quantidade de calorias ingeridas.

E agora? Bem, agora entra os principais segredos para "enganar" o organismo e acelerar a queima metabólica.
  • Primeiro e principal: EXERCÍCIOS - não importa o quanto você se empolgue ou reduza a sua dieta, não é possível emagrecer sem esforço físico. O METABOLISMO PRECISA DE EXERCÍCIOS para estimular a queima de calorias, e isso é um fato! Faça caminhadas leves, conforme o médico libere, aumente os exercícios, intensidade, quantidade, de 15 minutos a 1 hora e meia de caminhada, seu organismo ainda conta com a vantagem de está queimando reserva adiposa (gorduras)
  • Mude sua dieta, de um susto no seu organismo fazendo lidar com tipos de alimentos em que ele ainda não está acostumado a digerir. Adicione alimentos fibrosos a sua dieta, para estimular as funções intestinais e metabólicas.
  • BEBA MUITO LÍQUIDO e evite o sódio: RETENÇÃO DE LÍQUIDOS é seu pior inimigo em qualquer dieta, ainda mais para um gastroplastizado. Ideal que seja consumido pelo menos 2 litros de águas por dia.
  • Não se deixe abater por isso. Consulte seu psicólogo caso isso esteja te afetando emocionalmente, peça ao seu nutricionista um auxilio, mas jamais deixe que isso te bote pra baixo, a depressão e ansiedade só piora a situação.
Qualquer dúvida a mais sobre platô, consulte sua equipe médica, seu endócrino ou nutricionista, eles são os mais indicados a solucionar e contornar esta dificuldade...  E acredite, você não é o único que passou, ou passa por esta situação, e se ainda não passou, acredite, uma hora irá passar. o EFEITO PLATÔ não é um monstro de sete cabeças, mas é sem duvida, um rival formidável, o segredo é saber domá-lo!

Pipoca, vilã ou aliada?
Ao observar dados e rótulos, a pipoca em grãos não tem nada de assustadora, afinal 50 gramas de pipoca possuí apenas aproximadamente 125 calorias e rende algo como 3 xícaras cheias de pipoca(ou meio balde), além de possuir 6 gramas de Fibras (levando em consideração que o corpo necessita em média de 30 a 35 gramas ao dia, é um valor equivalente a aproximadamente 20% das necessidades diárias), 30 gramas de carboidratos de rápida absorção, o que faz da Pipoca uma ótima saída para ser ingerido após exercícios ou para dar disposição durante seu dia, além é claro, de conter aproximadamente 5 gramas de proteínas vegetais.
Então por que é tão incomum encontrar a Pipoca em dietas de restrição calórica?
O problema no caso, não está na pipoca e sim, em como ela é preparada. O que ocorre é que durante o preparo, a adição de óleos como manteiga e azeite (que, quando aquecidos, se tornam um tipo de gordura saturada), queijos, excesso de sal, adição de alimentos gordurosos como bacon ou calabresa, e opções doces como pipoca com chocolate e caramelada fazem com que o alimento perca suas qualidades benéficas e passe a ser considerado um vilão formidável.
Como é muito incomum encontrar pipocas que sejam preparadas de uma forma que evitem atribuir gorduras e aumente seu valor calórico, e como a maioria prefere optar pela praticidade de opções como pipocas de microondas (comentarei abaixo), a pipoca acaba sendo excluída das opções de lanches para aqueles que lutam contra a balança e passam a ser vista com péssimos olhos pelos nutricionistas e médicos do emagrecimento.
A pipoca de Microondas é uma solução para evitar adição de gorduras?
Não mesmo. A maioria das pipocas desse tipo possuem elevado percentual de gorduras totais, além de perderem valor fibroso e possuírem muito mais sódio que a opção em grãos. A pipoca convencional conta com aproximadamente 36mg de Sódio por porção de 50 gramas enquanto a mesma porção da pipoca de microondas conta com mais de 500mg.

Como devo prepara a Pipoca para que ela não prejudique minha dieta?
Preparando corretamente, a Pipoca não só não prejudicará sua dieta como pode ser também uma excelente ajuda. O ideal é que seja utilizada máquinas de pipocas, panelas específicas ou estouro estimuladas pelo calor ou vapor. A melhor opção é utilizar pipoqueiras elétricas por evitar que seja necessário adicionar qualquer tipo de gordura, e claro, não abusar no sal.

Dei uma procurada rápida no Mercado Livre e e encontrei um modelo igual ao que eu tenho: Pipoqueira Elétrica por R$ 65,00

Provavelmente, procurando deve haver opções com mais potência ou mais rápidas, entanto fica a dica, esse modelo tem um excelente custo benefício, eu comprei a minha em janeiro desse ano nas lojas americanas por aproximadamente R$ 120,00, realmente um pouco mais cara que essa, mas não me arrependo, foi uma boa compra, ainda mais para pessoas como eu, que querem emagrecerem sem a necessidade de abrir mão de prazeres como o de assistir um excelente filme com uma maravilhosa porção de pipoca ao lado. 

Após a gastroplastia, principalmente para aqueles que fazem a bariátrica aberta, é importante o uso de cinta para reduzir os riscos de hérnias, mesmo para aqueles que fazem a fechada, a Cinta modeladora é muito boa para controlar e reduzir a flacidez abdominal.

Procurando na internet por opções em contas. Achei duas ofertas que pode cair bem tanto para quem já foi operado quanto para as que ainda vão operar:
Cinta Pós Cirurgica Com Abertura Modeladora E Sustentação (http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-457702306-cinta-pos-cirurgica-com-abertura-modeladora-e-sustentaco-_JM) - R$ 30,00

Macaquinho pós cirúrgico com linha E Sustentação (http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-469185458-macaquinho-pos-cirurgico-pmg-linha-sustentaco-_JM) - R$ 68,00

As duas são do mesmo vendedor. O vendedor no caso tem mais de 2000 vendas com 98% de qualificação, o que no mercado livre é considerado MUITO CONFIÁVEL, a frete é via pac raramente costuma passar dos 10 R$ (exemplo, no Rio sairia apenas a 7 R$) e por sedex, uma média de 15 R$, ainda ficaria bem a baixo da faixa de preço dessas cintas no mercado.

Espero que tenham gostado e desculpem o sumiço, só fiz esse post mesmo para me redimir, grande abraço meninas e meninos, e prometo que logo logo volto a postar frequentemente.

Não é de hoje que os mitos sobre a água e o corpo interagem com as verdades e descobertas do mundo da ciência, não é novidade nenhuma que o corpo precisa de água, pelo menos um copo a cada 1 hora é essêncial para que seu corpo funcione corretamente, mas dentre todos os mitos e certezas da medicina, e nós, meros leigos, como ficamos?

Bem, a água tem mil e umas funções no organismo. É transportadora, é dissolvente, é estrutural, e isso ninguém tem duvida, mas e a água gelada, engorda ou emagrece?

Aqueles que defendem a tese de que água gelada emagrece, abusam de um conceito mal explicado sobre os efeitos dela no metabolismo, realmente, o corpo realmente utiliza de uma carga metabólica maior pra aumentar a temperatura da água quando esta chega ao organismo, mas isso é o suficiente pra emagrecer?

A resposta está na quantidade. Se ouver um balanceamento entre as ingestões, sim, ajuda e bastante. Como disse lá encima, precisamente um copo a cada hora é o ideal, mais que isso você está expondo o seu metabolismo a uma necessidade de aquecer esta água por mais vezes, o que gera a chamada "necessidade metabólica" ou vulgarmente chamada de fome do futuro, isto é, seu metabolismo começará a pedir mais energia para poder dá conta dessas constantes necessidade, o que causa ansiedade, o que sabemos que pode prejudicar qualquer dieta se não "tratada" corretamente.

Outro probleminha dá água gelada, é que a mesma quando exposta as mucosas estomacais, produzem gases, o que dá uma curta sensação de inchaço e dilata parcialmente um pouco o estomago, é bem pouco, mas o suficiente pra causar aquela sensaçãozinha pertubadora.

Água gelada pode ser uma grande aliada ou uma grande inimiga, depende de como usar-la, por via das duvidas, eu aconselho a preferir a água a temperatura ambiente ou tirada do filtro, um copo a cada meia hora, e nos intervalos, um copinho de água gelada é mais que suficiente. A ingestão de água auxilia no funcionamento das principais funções do corpo, evita constipação, trabalha com o metabolismo e impede a desidratação ou retenção de líquidos.

Toda mulher com quilinhos a mais sabe o quanto é difícil encontrar uma roupa que se adéqüe ao seu corpo sem marcar ou fazer parecer que estas muito alem do peso ou então que não fique coladinha expondo o que não deveria ser exposto (em minha opinião). Eu particularmente, sempre tive muito mais prazer em comprar acessórios do que roupas, hoje em dia, o que mais percebo é que nos gordinhas, não temos muitas opções no mercado ‘comum’, e na maioria das vezes acabamos cedendo ao que costumo chamar de uniforme de gordinha (leggin+tunica), eu particularmente cedi por muito tempo a essas roupas, e por fim acabei me tornando escrava desse tipo de roupa por algum tempo.Hoje em dia estou me libertando disso. Agora que o corpo esta mudando, os quilinhos extras estão partindo, a auto estima esta nas alturas, as roupas bonitinhas e que te agradam começam a servir, vem a parte que creio ser uma das mais difíceis, segurar-se pra não comprar demais (logo tudo vai ser perdido) e também não ousar de mais por que afinal não estou com o “corpitcho” em dia ainda.Uma coisa que aprendi na minha vida e que é muito interessante na hora de se vestir: Valorizar aquilo que você tem de melhor, o que fica bem em uma não fica bem na outra, e tudo isso depende do tipo de corpo que você tem. Por alto podemos dizer que as dicas que vou passar se enquadram pra todos os tipos de gordinhas, não vai dar pra especificar cada tipo de silhueta que existe, então vou passar o coringa pra vocês, pra que não caiam na besteira, tal como fiz por um longo tempo de usar o famigerado “uniforme”.


Jeans e salto
Na hora de comprar jeans optar sempre por cortes mais retos, e cores mais escuras, a barra deve tocar o peito do pé, esse detalhe já fará parecer que estamos bem mais magras. Sandálias e sapatos de saltos sempre fazem dar a impressão que estamos com pernas mais finas. O salto deve acompanhar a silueta, saltos finos em gordinhas, alem de desconfortáveis são desnecessários, podem ate ser usados, mas no dia-a-dia, saltos mais grossos podem e devem ser usados. Ou seja: quanto mais cheinha você for, mais grosso ele deve ser também

Preto com moderação
Investir em cores mais escuras é sempre bom, mais isso não quer dizer que você deva usar preto dos pés a cabeça, investir em peças mais escuras é ideal, mas não necessariamente necessita ser ‘’ O PRETO’’ afinal existem também, azul marinho, marrom, cinza escuro, verde escuro, roxo[...] peças mais compridas ajudam a disfarçar os pneuzinhos.


Modelos adequados
Blusas transpassadas são uma ótima alternativa, marcam a cintura, e ficam mais soltinhas na parte de baixo, blusas com gola do tipo canoa dão a sensação que aumentam a área dos ombros causando a impressão que a cintura é mais fina, esqueça completamente modelos como frente única e ‘tomara-que-caia’ chama bastante atenção para a parte do busto e costas, mas fazem o efeito contrario!

Túnicas X Legging's
Por mais que tenha tomado pavor dessa combinação (de tanto que usei), ela é uma boa alternativa, pois legging’s mais escuras afinam as pernas e a combinação com a túnica disfarça muito o tamanho real do tronco, evite usar leggin's no meio da panturrilha, elas causam a impressão que somos mais baixas, na altura do tornozelo é o ideal.

Listras
Podem ser uma ótima aliada, desde que usadas com moderação, o contraste de listras claras com escuras não favorece muito, já que cria um contraste muito grande mesmo que seja na vertical, o ideal é optar por tons sobrepostos, e próximos na escala de cor, exemplo, cinza e preto, sempre vão causar impressão que é menor do que o branco e preto, listras horizontais são inimigas, verticais e diagonais podem ser usadas com moderação ;D

Saias e vestidos
Aposte nos modelos tipo evasê que disfarçam barriga e quadril sem marcar, cortes com formato em “A” também favorecem muito, dizem que cintura mais alta também favorece muito quem esta acima do peso por ocultar a barriga, eu particularmente não gosto, apesar de ter curtido muito esse look.

Vestidos SIM!
Vestidos bem decotados (principalmente os com decote em “V”) ajudam a alongar a silhueta, disfarçando assim os quilinhos a mais, pois chamam atenção para o colo, mangas mais 'soltinas' ajudam a disfarçar o volume dos braços, se for transpassada então, é perfeito ajuda a disfarçar todas as medidas.



“Quem entende a própria silhueta consegue um efeito milagroso. Há sempre uma roupa que deixa a mulher bem-vestida, independentemente de estar acima do peso”. Carla Martinho, consultora de imagem


F.A.Q. #1
Tem dúvidas sobre a gastroplastia e não sabe onde perguntar? Fique a vontade para comentar e postar suas perguntas nesse post. Tentarei separar e responder aqui mesmo em posts como esse, preferencialmente as mais interessantes junto a sua real resposta, se necessário, consultarei equipes médicas afim de passar a maior transparência possível nas respostas.
Fiquem a vontade pra perguntar e não se sintam acanhado pelo espaço, se preferirem, podem mandar suas perguntas como anônimos, peço apenas bom senso para saberem que brincadeirinhas serão completamente ignoradas.


Sabe aquelas matérias em que você ler e não consegue acreditar que realmente está lendo, afinal, é grande parte do que você sempre imaginou sobre um assunto, transcrita em poucas e perfeitas palavras, tal como não poderia você mesmo descrever melhor? Bem, foi mais ou menos essa a minha reação ao ler esta matéria hoje e concordar plenamente com o tema proposto pelo "Preventative Medicine at Rush Medical College"!

Nunca fui muito fã do MacDonalds, não tem lá um motivo na verdade, apenas não fazia meu tipo, mas também nunca fui daqueles pentelhos irritantes hipócritas defensores do estilo de vida saudável. Até meio óbvio isso, afinal, não chegaria a 180 KG se fosse. O que me chamou a atenção na matéria realmente, é que foi algo que eu acho que qualquer mente sã já deve ter pensado alguma vez na vida: O estereótipo do palhaço alegre é quase uma lavagem mental nas pobres criacinhas que ficam embabacadas com os brindes e brinquedinhos oferecidos por este simbolo e esta marca.

Tudo bem, existe o direito a expressão e propaganda, concordo, mas até que ponto é correto permitir que uma marca crie uma "ilusão" ao grupo de compradores extremamente sucetíveis, tais como as crianças? Fiz uma pesquisa rápida sobre o assunto, e descobri que paises como a Suécia, Canadá e até mesmo a Inglaterra já criaram regras para propagandas direcionadas ao público infantil, o que mostra que esse assunto vai muito além do que uma mera "sugestão medicinal", trata-se de um problema real, e discutido em escala global.

Na matéria por exemplo, afirma que 1/3 das crianças americanas já são obesas, isso é culpa do mascote do MacDonalds? Claro que não, isso é culpa de toda uma massa publicitária desregulada e uma deturpação do senso de saudável criado pela mídia mundial, eu concordo plenamente com isso... Mas a exclusão do estereótipo é um bom passo, e é de passo em passo que a medicina alcança suas metas.

Será que podemos imaginar um futuro em que a propaganda se responsabilizará pelo conteúdo exposto de forma a evitar a degeneração daqueles que estão sucetíveis a ela? Eu duvido muito. Mas assim como movimentos do tipo conseguiu proíbir as propagandas de cigarro, conseguiu difundir os perígos do alcool, eu acredito que este é só um início de uma fase positivas de mudanças quanto a isso, eu espero realmente que seja.

Ser obeso não é nada fácil, e as dificuldades pipocam durante o decorrer do peso, tornando cada vez mais limitada a vida de quem sofre desta enfermidade. Pensando nisso, resolvi por separar as 10 PIORES DIFICULDADES PRA UM OBESO do meu ponto de vista.

Bruna Viana - 21 Anos - Mineira com orgulho!
Curte moda, operada a pouco mais de 2 meses, está aqui pra balancear um pouco as coisas no blog, dá aquele toque mais feminino por aqui!

Poderão acompanhar o meu progresso e o dela através desse blog agora, e a Bruna ficou de fazer artigos para todas as borboletas que visitam-o diariamente! Assuntos como o dia-a-dia da gastroplastia da visão de uma mulher, até maquiagem, moda e até uma pitadinha de pimenta pra animar as coisas...

Mas rapazes, não se preocupem, não deixarei vocês de lado e sempre que possível trarei aqui assuntos sobre exercícios, suplementos, esportes e cuidarei de balancear as coisas...


Seja muito bem vinda Bruninha, e a todos, obrigado pela visita. Esse é só mais um passo pro novo blog "Guru Da Gastroplastia", com cara nova, modelo novos e assuntos novos.

Parceiros



Coloque nosso banner em seu site:


Copie e cole o código acima em seu site!

Seguidores

Aquele que vos fala

Minha foto
Operado desde: 19/março/2011
Peso antes: 196.4KG
Ultima pesagem: 30/janeiro/2015
Peso Atual: 105.7 KG
Divulgue nosso blog aos seus amigos:

Curta nossa página no Facebook

Postagens populares