Toda mulher com quilinhos a mais sabe o quanto é difícil encontrar uma roupa que se adéqüe ao seu corpo sem marcar ou fazer parecer que estas muito alem do peso ou então que não fique coladinha expondo o que não deveria ser exposto (em minha opinião). Eu particularmente, sempre tive muito mais prazer em comprar acessórios do que roupas, hoje em dia, o que mais percebo é que nos gordinhas, não temos muitas opções no mercado ‘comum’, e na maioria das vezes acabamos cedendo ao que costumo chamar de uniforme de gordinha (leggin+tunica), eu particularmente cedi por muito tempo a essas roupas, e por fim acabei me tornando escrava desse tipo de roupa por algum tempo.Hoje em dia estou me libertando disso. Agora que o corpo esta mudando, os quilinhos extras estão partindo, a auto estima esta nas alturas, as roupas bonitinhas e que te agradam começam a servir, vem a parte que creio ser uma das mais difíceis, segurar-se pra não comprar demais (logo tudo vai ser perdido) e também não ousar de mais por que afinal não estou com o “corpitcho” em dia ainda.Uma coisa que aprendi na minha vida e que é muito interessante na hora de se vestir: Valorizar aquilo que você tem de melhor, o que fica bem em uma não fica bem na outra, e tudo isso depende do tipo de corpo que você tem. Por alto podemos dizer que as dicas que vou passar se enquadram pra todos os tipos de gordinhas, não vai dar pra especificar cada tipo de silhueta que existe, então vou passar o coringa pra vocês, pra que não caiam na besteira, tal como fiz por um longo tempo de usar o famigerado “uniforme”.


Jeans e salto
Na hora de comprar jeans optar sempre por cortes mais retos, e cores mais escuras, a barra deve tocar o peito do pé, esse detalhe já fará parecer que estamos bem mais magras. Sandálias e sapatos de saltos sempre fazem dar a impressão que estamos com pernas mais finas. O salto deve acompanhar a silueta, saltos finos em gordinhas, alem de desconfortáveis são desnecessários, podem ate ser usados, mas no dia-a-dia, saltos mais grossos podem e devem ser usados. Ou seja: quanto mais cheinha você for, mais grosso ele deve ser também

Preto com moderação
Investir em cores mais escuras é sempre bom, mais isso não quer dizer que você deva usar preto dos pés a cabeça, investir em peças mais escuras é ideal, mas não necessariamente necessita ser ‘’ O PRETO’’ afinal existem também, azul marinho, marrom, cinza escuro, verde escuro, roxo[...] peças mais compridas ajudam a disfarçar os pneuzinhos.


Modelos adequados
Blusas transpassadas são uma ótima alternativa, marcam a cintura, e ficam mais soltinhas na parte de baixo, blusas com gola do tipo canoa dão a sensação que aumentam a área dos ombros causando a impressão que a cintura é mais fina, esqueça completamente modelos como frente única e ‘tomara-que-caia’ chama bastante atenção para a parte do busto e costas, mas fazem o efeito contrario!

Túnicas X Legging's
Por mais que tenha tomado pavor dessa combinação (de tanto que usei), ela é uma boa alternativa, pois legging’s mais escuras afinam as pernas e a combinação com a túnica disfarça muito o tamanho real do tronco, evite usar leggin's no meio da panturrilha, elas causam a impressão que somos mais baixas, na altura do tornozelo é o ideal.

Listras
Podem ser uma ótima aliada, desde que usadas com moderação, o contraste de listras claras com escuras não favorece muito, já que cria um contraste muito grande mesmo que seja na vertical, o ideal é optar por tons sobrepostos, e próximos na escala de cor, exemplo, cinza e preto, sempre vão causar impressão que é menor do que o branco e preto, listras horizontais são inimigas, verticais e diagonais podem ser usadas com moderação ;D

Saias e vestidos
Aposte nos modelos tipo evasê que disfarçam barriga e quadril sem marcar, cortes com formato em “A” também favorecem muito, dizem que cintura mais alta também favorece muito quem esta acima do peso por ocultar a barriga, eu particularmente não gosto, apesar de ter curtido muito esse look.

Vestidos SIM!
Vestidos bem decotados (principalmente os com decote em “V”) ajudam a alongar a silhueta, disfarçando assim os quilinhos a mais, pois chamam atenção para o colo, mangas mais 'soltinas' ajudam a disfarçar o volume dos braços, se for transpassada então, é perfeito ajuda a disfarçar todas as medidas.



“Quem entende a própria silhueta consegue um efeito milagroso. Há sempre uma roupa que deixa a mulher bem-vestida, independentemente de estar acima do peso”. Carla Martinho, consultora de imagem


F.A.Q. #1
Tem dúvidas sobre a gastroplastia e não sabe onde perguntar? Fique a vontade para comentar e postar suas perguntas nesse post. Tentarei separar e responder aqui mesmo em posts como esse, preferencialmente as mais interessantes junto a sua real resposta, se necessário, consultarei equipes médicas afim de passar a maior transparência possível nas respostas.
Fiquem a vontade pra perguntar e não se sintam acanhado pelo espaço, se preferirem, podem mandar suas perguntas como anônimos, peço apenas bom senso para saberem que brincadeirinhas serão completamente ignoradas.


Sabe aquelas matérias em que você ler e não consegue acreditar que realmente está lendo, afinal, é grande parte do que você sempre imaginou sobre um assunto, transcrita em poucas e perfeitas palavras, tal como não poderia você mesmo descrever melhor? Bem, foi mais ou menos essa a minha reação ao ler esta matéria hoje e concordar plenamente com o tema proposto pelo "Preventative Medicine at Rush Medical College"!

Nunca fui muito fã do MacDonalds, não tem lá um motivo na verdade, apenas não fazia meu tipo, mas também nunca fui daqueles pentelhos irritantes hipócritas defensores do estilo de vida saudável. Até meio óbvio isso, afinal, não chegaria a 180 KG se fosse. O que me chamou a atenção na matéria realmente, é que foi algo que eu acho que qualquer mente sã já deve ter pensado alguma vez na vida: O estereótipo do palhaço alegre é quase uma lavagem mental nas pobres criacinhas que ficam embabacadas com os brindes e brinquedinhos oferecidos por este simbolo e esta marca.

Tudo bem, existe o direito a expressão e propaganda, concordo, mas até que ponto é correto permitir que uma marca crie uma "ilusão" ao grupo de compradores extremamente sucetíveis, tais como as crianças? Fiz uma pesquisa rápida sobre o assunto, e descobri que paises como a Suécia, Canadá e até mesmo a Inglaterra já criaram regras para propagandas direcionadas ao público infantil, o que mostra que esse assunto vai muito além do que uma mera "sugestão medicinal", trata-se de um problema real, e discutido em escala global.

Na matéria por exemplo, afirma que 1/3 das crianças americanas já são obesas, isso é culpa do mascote do MacDonalds? Claro que não, isso é culpa de toda uma massa publicitária desregulada e uma deturpação do senso de saudável criado pela mídia mundial, eu concordo plenamente com isso... Mas a exclusão do estereótipo é um bom passo, e é de passo em passo que a medicina alcança suas metas.

Será que podemos imaginar um futuro em que a propaganda se responsabilizará pelo conteúdo exposto de forma a evitar a degeneração daqueles que estão sucetíveis a ela? Eu duvido muito. Mas assim como movimentos do tipo conseguiu proíbir as propagandas de cigarro, conseguiu difundir os perígos do alcool, eu acredito que este é só um início de uma fase positivas de mudanças quanto a isso, eu espero realmente que seja.

Ser obeso não é nada fácil, e as dificuldades pipocam durante o decorrer do peso, tornando cada vez mais limitada a vida de quem sofre desta enfermidade. Pensando nisso, resolvi por separar as 10 PIORES DIFICULDADES PRA UM OBESO do meu ponto de vista.

Bruna Viana - 21 Anos - Mineira com orgulho!
Curte moda, operada a pouco mais de 2 meses, está aqui pra balancear um pouco as coisas no blog, dá aquele toque mais feminino por aqui!

Poderão acompanhar o meu progresso e o dela através desse blog agora, e a Bruna ficou de fazer artigos para todas as borboletas que visitam-o diariamente! Assuntos como o dia-a-dia da gastroplastia da visão de uma mulher, até maquiagem, moda e até uma pitadinha de pimenta pra animar as coisas...

Mas rapazes, não se preocupem, não deixarei vocês de lado e sempre que possível trarei aqui assuntos sobre exercícios, suplementos, esportes e cuidarei de balancear as coisas...


Seja muito bem vinda Bruninha, e a todos, obrigado pela visita. Esse é só mais um passo pro novo blog "Guru Da Gastroplastia", com cara nova, modelo novos e assuntos novos.

Todo mundo que operou ou vai operar sabe o quanto a água de coco é importante após a gastroplastia para repor minerais e manter o corpo hidratado, mesmo com as constantes limitações e a perda de líquido derivado dos muito comuns, vômitos e entalos. Mas a verdade é que os benefícios do coco e da água de coco vai muito além disso, não só para aqueles que fizeram a cirurgia bariátrica, mas em qualquer dieta.

Opitem pelo coco verde. A casca do coco é revertida por uma polpa oleosa, e quando recolhido durante seu amadurecimento, esta polpa costuma apresentar pouco nível de colesterol ruim e maiores taxas em sais de potássio, aumentando o seu poder de hidratação. Além disso:


O coco auxilia no melhor funcionamento das funções intestinais;
Rico em fibras em sua própria essência, o coco pode auxiliar no funcionamento das funções intestinais, além é claro, de sua polpa oleosa ser grande aliada em relação a constipações/prisões de ventre.

A polpa de coco é grande aliada contra a anciedade e na sensação de saciedade.
Como todos os lípidios, o óleo da polpa é uma gordura, sendo assim, ela costuma permanecer mais tempo no organismo e sua metabolização gera uma sensação de saciedade positiva ao sistema de recompensa, o que reduz a sensação de anciedade e fome psicológica. ATENÇÃO: Embora trate-se de uma gordura boa, o abuso desta pode trazer prejuizos a saúde e ao emagrecimento, sendo esta, extremamente calórica. Além disso, não é livre de Dumpping.
O oléo de coco auxilia nas funções orgânicas.
Ótimo para ser usado pra refogar os alimentos, o óleo de coco vem apresentando ótimos resultados em dietas pois é capaz de oferecer uma resposta orgânica melhor das funções cardíacas por substituir os indices de colesterol ruim pelos de colesterol bom (HDL), e somando a isto, o óleo de coco é uma fonte de lipídios antimicrobiana, ajudando a fortalecer o organismo auxiliando o sistema imunológico.


Entre tantas outras vantagens, o coco vêm sido apresentado como um fiel companheiro na luta pelo emagrecimento, e suas vantagens vão ainda mais além, conforme as pesquisas se aprofundam no assunto, novas descobertas são feitas quanto as suas capacidades nutricionais.

Quando observamos valores, estatísticas, esquecemos de analisar pessoas, esquecemos que desses milhares de operados, ou futuros operados, há um enorme grupo de humanos, e é esse lado humano, a justificativa para aquilo que eu tenho considerado mais impressionante após a gastroplastia: A união, companheirismo, o mutualismo e a cooperação por parte dos gastrosplastizados com outros gastroplastizados.

Acho que a maioria que já operou, deve concordar comigo quando digo que é muito fácil conversar com alguém que também já operou, e a resposta para isso é muito fácil. Estamos lidandos com pessoas que passaram ou passam pelas mesmas dificuldades que passaremos ou já passamos.

Eu não tenho a menor mensuração pra dizer que conheci pessoas maravilhosas após a gastroplastia, amigos que já fazem parte do meu dia, pessoas com quem tenho um bom papo ou uma boa conversa, e que a maioria das vezes, não tem nada haver com a gastroplastia. Como uma irmandade que conduz um elo único para se apoiarem, após a gastroplastia, temos na força de outros o apoio pra construírmos nossa própria força.

Através desse blog eu encontro o apoio em todos vocês que lêem, comentam, visitam, opinam, participam do chat ou da comunidade, a cada conversa com um gastroplastizado, eu sei que estou ajudando em partida que ele está me ajudando também, e experiência assim, são raras na vida, ou seja, além de todas as vantagens da gastroplastia, essa é só mais uma das tantas maravilhas que a gastroplastia pode proporcionar para aqueles que querem realmente e correm atrás disso...

Isto foi um tanto quanto um desabafo e um abraço fraterno a todos aqueles que passam por aqui todos os dias, chegamos as 2500 páginas visualizadas, quase 1000 visitas. Apenas hoje, foram quase 100, e a todos vocês que participam daqui, do chat, da comunidade ou do twitter, desejo com alma, coração e mente, que não falte saúde por nenhum momento a nenhum de vocês, que tenham força pra superar qualquer barreira, e que desta união, consigamos passar por tudo isso juntos, em outras palavras, saúde, força e união a todos vocês e que não desistam nunca, pois a persistência e o trabalho duro é o principal para se conseguir tudo que deseja.

A maioria dos brasileiros já ouvi falar da cirurgia bariátrica, e acredito que todos os visitantes desse blog conhecem bem a idéia por trás da gastroplastia, ou a famosa "redução de estômago", mas o que a grande maioria desconhece é que existem métodos operatórios diferentes e com finalidades distintas. Neste tópico irei dá uma entrada rápida nos 3 métodos mais conhecidos, os absorbtivos (Desvio de Intestino), os redutores (Sleeve e derivados), e os mistos (Fobi/Capella).

Todos os métodos tem resultados comprovados e funcionam perfeitamente, porém todos eles tem suas pré-indicações, e contra-indicações, lá vai elas:

Cirurgia Mista -  São, indiscutívelmente as mais feitas no mundo, são conhecidas por serem as que apresentam os melhores resultados em relação a saúde e custo; Partindo do príncipio de combinar a baixa absorção com a redução do estômago, costumam funcionar muito bem em mais de 80% das operações.

Prós: Normalmente, esta cirurgia costuma apresentar os resultados mais positivos.
Contra: Por haver o desvio, existe baixa absorção pode causar desnutrição, anemia, deficit de vitaminas importantes e é preciso vim aliada a um acompanhamento pós-cirurgico firme, principalmente nos primeiros meses.



Cirurgia de Redução Absorbtiva - Voltada principalmente nas funções de absorção do organismo, este método cirúrgico é conhecido por ser mais liberal, normalmente, focada como uma cirurgia mista, com a combinação de scopinaro com o Duodenal Switch, tem como principal diferencial a forma como o paciênte lidará com o Alimento, diminuindo consideravelmente o caminho percorrido por este em seu organismo.

Prós: Apresentam resultados maiores em menor prazo no sentido da perda de Peso, além de permitir uma dieta mais "aberta", além da ingestão de alimentos que terão sua absorção no organismo mínimamente reduzida.
Contra: É preciso um acompanhamento intenso por parte da equipe nutricional após a cirurgia pois devido a baixa absorção, a reposição de nutrientes no organismo também é prejudicada. Muito conhecida por seus famosos casos de desnutrição e os diversos problemas ocasionados por má reposição metabólica.



Cirurgias Redutoras: Neste método, não há desvio no intestino, sendo reduzido apenas a quantidade de comida ingerida devido a uma limitação por parte da redução do estômago, em quase que uma ligação direta ao intestino.

Prós: Não é preciso um acompanhamento tão firme após o pós-cirúrgico, apenas as indicações para a dieta balanceada e controle de peso, além disso, não há prejuizo na absorção dos alimentos.
Contra: A perda por este método costuma ser mais vagarosa e menor que os demais, e em caso de abusos, pode não haver perda alguma, principalmente se não houver o acompanhamento da dieta e o controle nutricional.


 Peso oficial quando tive alta do hospital: 176.8 KG
Peso Real na cirurgia: 182.4 (antes dela 196.4)

Peso Atual: 141 KG - 41 KG eliminados (58 dias de operado)

Ingredientes
  • Mini-Pão Sírio Light - 1 Unidade
  • Queijo Minas Frescal -50 gramas "ralado"
    (ou duas fatias finas)
  • Polpa de tomate -2 colheres de sopa
    (Pomarola ou Pomodore)
  • Tomate Fatiado sem sementes - 1 ou 2 fatias
  • Presunto de Peru Magro - 2 fatias
    (desfiadas e sem casca)
  • Orégano - 1 colher de sobremesa


 Como Fazer

  1. Unte uma travessa com margarina light e farinha ou uma colher de azeite.
  2. Na forma untada, coloque o pão árabe (pão sírio) e o polvilhe com a Polpa de tomate, espalhando por todo o diâmetro do pão.
  3. Coloque o queijo minas ralado sobre o molho ou duas fatias próximo ao centro para evitar que transborde.
  4. Distribua 2/3 da colher de Oregano por cima.
  5. Coloque as rodelas de tomate e o Presunto de Peru desfiado por cima delas ou se preferir, passe em um processador e polvilhe ralado pela pizza.
  6. Coloque o que sobrou do oregano por cima do tomate e o presunto de peru.
  7. Leve ao forno alto até que o Queijo Minas derreta, tempo varia de 5 a 12 minutos dependendo da potência do forno.


    Informações adicionais
    Valor calórico médio por porções de 100g - aproxi. 130 Kcal

    O presunto de peru pode ser substituido, acrescentar outros legumes ou vegetais pode tornar sua pizza ainda mais gostosa e interessante. Aqueles que fizerem, fica o convite para que mandem suas fotos, ficarei feliz em publicar-las aqui!

Parceiros



Coloque nosso banner em seu site:


Copie e cole o código acima em seu site!

Seguidores

Aquele que vos fala

Minha foto
Operado desde: 19/março/2011
Peso antes: 196.4KG
Ultima pesagem: 30/janeiro/2015
Peso Atual: 105.7 KG
Divulgue nosso blog aos seus amigos:

Curta nossa página no Facebook

Postagens populares