Os tipos de Cirurgia Bariátrica

Postado por Rennan Silva sexta-feira, 20 de maio de 2011

A maioria dos brasileiros já ouvi falar da cirurgia bariátrica, e acredito que todos os visitantes desse blog conhecem bem a idéia por trás da gastroplastia, ou a famosa "redução de estômago", mas o que a grande maioria desconhece é que existem métodos operatórios diferentes e com finalidades distintas. Neste tópico irei dá uma entrada rápida nos 3 métodos mais conhecidos, os absorbtivos (Desvio de Intestino), os redutores (Sleeve e derivados), e os mistos (Fobi/Capella).

Todos os métodos tem resultados comprovados e funcionam perfeitamente, porém todos eles tem suas pré-indicações, e contra-indicações, lá vai elas:

Cirurgia Mista -  São, indiscutívelmente as mais feitas no mundo, são conhecidas por serem as que apresentam os melhores resultados em relação a saúde e custo; Partindo do príncipio de combinar a baixa absorção com a redução do estômago, costumam funcionar muito bem em mais de 80% das operações.

Prós: Normalmente, esta cirurgia costuma apresentar os resultados mais positivos.
Contra: Por haver o desvio, existe baixa absorção pode causar desnutrição, anemia, deficit de vitaminas importantes e é preciso vim aliada a um acompanhamento pós-cirurgico firme, principalmente nos primeiros meses.



Cirurgia de Redução Absorbtiva - Voltada principalmente nas funções de absorção do organismo, este método cirúrgico é conhecido por ser mais liberal, normalmente, focada como uma cirurgia mista, com a combinação de scopinaro com o Duodenal Switch, tem como principal diferencial a forma como o paciênte lidará com o Alimento, diminuindo consideravelmente o caminho percorrido por este em seu organismo.

Prós: Apresentam resultados maiores em menor prazo no sentido da perda de Peso, além de permitir uma dieta mais "aberta", além da ingestão de alimentos que terão sua absorção no organismo mínimamente reduzida.
Contra: É preciso um acompanhamento intenso por parte da equipe nutricional após a cirurgia pois devido a baixa absorção, a reposição de nutrientes no organismo também é prejudicada. Muito conhecida por seus famosos casos de desnutrição e os diversos problemas ocasionados por má reposição metabólica.



Cirurgias Redutoras: Neste método, não há desvio no intestino, sendo reduzido apenas a quantidade de comida ingerida devido a uma limitação por parte da redução do estômago, em quase que uma ligação direta ao intestino.

Prós: Não é preciso um acompanhamento tão firme após o pós-cirúrgico, apenas as indicações para a dieta balanceada e controle de peso, além disso, não há prejuizo na absorção dos alimentos.
Contra: A perda por este método costuma ser mais vagarosa e menor que os demais, e em caso de abusos, pode não haver perda alguma, principalmente se não houver o acompanhamento da dieta e o controle nutricional.

3 comentários

  1. Carol Says:
  2. Adorei o texto Re, bem explicativo!!! a minha sera mista... e bem loguinho!!! =D

    beijos querido!!!

     
  3. ludpaiva Says:
  4. Oi Rennan, adorei o texto, a minha é a mista e aquele azul é meu anel, hehehehe. beijos

     
  5. indy Says:
  6. ADOREI O TEXTO, VAI TIRAR A DUVIDA DE VARIAS PESSOAS Q ESTAO PENSANDO EM FAZER MAS NAO SABEM QUAL A TECNICA!!
    A MINHA FOI MISTA, NÃO TIVE OPÇÃO DE ESCOLHA MEU MEDICO SO FAZ ESSA MAS NAO POSSO RECLAMAR TBM!FOI MUITO BOA A TECNICA E A PERCA DE PESO EH VISIVEL A CADA DIA MESMO MEU ORGANISMO FICANDO LENTO AS VEZES

     

Postar um comentário

Parceiros



Coloque nosso banner em seu site:


Copie e cole o código acima em seu site!

Seguidores

Aquele que vos fala

Minha foto
Operado desde: 19/março/2011
Peso antes: 196.4KG
Ultima pesagem: 30/janeiro/2015
Peso Atual: 105.7 KG
Divulgue nosso blog aos seus amigos:

Curta nossa página no Facebook

Postagens populares